NPR: Obstáculos se aproximam para os países que aguardam doses de vacina - CARE

NPR: Do dinheiro às monções: obstáculos se aproximam para os países que aguardam doses de vacina

Ernesto Benavides / AFP via Getty Images

Ernesto Benavides / AFP via Getty Images

No Peru, Dr. Ramiro Lazo Camposano, um pediatra, estava indo de porta em porta ver seus pacientes na capital, Lima, em um momento em que a maioria dos profissionais de saúde dos Estados Unidos já havia comemorado a segunda injeção da vacina COVID . Mas ele não foi vacinado. As doses eram escassas em todo o Peru.

Por fim, Lazo Camposano, de 74 anos, pegou o vírus e o passou para o filho.

“Os dois foram para a UTI e não conseguiram”, diz a filha, Dra. Marcela Lazo Escalante, médica e pesquisadora médica de Lima. Pai e filho morreram em fevereiro.

A tragédia dessas mortes duplas ressalta um problema em muitos países. As vacinas estão aparecendo tarde - e simplesmente não há doses suficientes de vacina ainda para diminuir a pandemia.

Esse não é o único desafio. Mesmo que milhões de doses doadas cheguem à África, Ásia e países com menos recursos da América Latina por meio do programa global de compartilhamento de vacinas COVAX, eles podem não ter os meios para dar injeções aos cidadãos em grande escala.

 

Leia mais em NPR