AP: Países ricos recebem nova vacina COVID antes dos mais pobres - CARE

AP: Países ricos recebem nova vacina COVID antes dos mais pobres

NOVA DÉLHI (AP) - A empresa por trás de uma vacina COVID-19 apresentada como uma ferramenta-chave para o mundo em desenvolvimento enviou dezenas de milhões de doses para nações ricas, mas ainda não forneceu nenhuma para o esforço apoiado pela ONU para fornecer aos países mais pobres, um sinal que a desigualdade persiste na resposta global à pandemia.

Um quarto de milhão de doses da empresa deveriam estar disponíveis para a iniciativa de compartilhamento de vacinas, chamada COVAX, até março. Mas a agência da ONU responsável pelas entregas diz que as primeiras remessas provavelmente não serão feitas até abril ou maio.

Não era para ser assim. A empresa, Novavax, recebeu US$ 388 milhões de uma das organizações que lideram a COVAX para acelerar o desenvolvimento da vacina e ajudar a disponibilizar a vacina em países mais pobres.

O investimento garantiu à COVAX o “direito de preferência” às primeiras doses de Novavax, mas o acordo se aplicava apenas a fábricas na República Tcheca, Coreia do Sul e Espanha, disse Bjorg Dystvold Nilsson, porta-voz do cofundador da COVAX, CEPI.

Leia a história completa na Associated Press