Trabalho Humanitário da CARE na Bélgica - CARE

Bélgica

O escritório de representação da CARE International em Bruxelas trabalha para garantir que a experiência e as prioridades de advocacy da CARE sejam representadas nas instituições da União Europeia (UE).

Onde trabalhamos
Mapa de onde trabalhamos

Ir para o país

O escritório de representação da CARE International em Bruxelas trabalho para garantir que a experiência da CARE e as prioridades de advocacy sejam representadas at instituições da União Europeia (UE). O escritório trabalha em estreita colaboração com Membros do Parlamento Europeu para influenciar os principais processos de tomada de decisão, bem como com o Serviço Europeu para a Ação Externa (SEAE) e a Comissão Europeia (CE), em particular o Departamento de Cooperação e Desenvolvimento Internacional (DEVCO), que concebe e executa a política de cooperação e desenvolvimento internacional da UE e o Departamento de Ajuda Humanitária e Proteção Civil (ECHO), que presta assistência de emergência às vítimas de catástrofes naturais e conflitos armados.  

Além disso, a CARE se relaciona com os Estados-Membros da UE, tanto em de capital e em Bruxelas, através de reuniões com Representações Permanentes e membros dos Grupos de Trabalho do Conselho relevantes. 

O envolvimento da CARE com as instituições da UE é bilateral e através de coligações e redes formais e informais de ONGs, com base em objetivos comuns de advocacia. A CARE International é membro da CONCORD (Confederação Européia de ONGs para Ajuda e Desenvolvimento), VOICE (Rede que representa ONGs Européias que trabalham em Emergências) e parceira da Crisis Action.  

Além do seu trabalho de advocacia, o escritório da UE da CI também serve como um ponto de informação e coordenação dentro da CARE sobre oportunidades de financiamento da CE, conformidade de concessão e capacitação para fortalecer a eficácia da gestão de contratos da CE da CARE e preparação para auditorias. 

As principais prioridades para o trabalho de advocacia da CARE International a nível da UE incluem a igualdade de género e o empoderamento das mulheres na ação externa da UE, género em emergências, crises humanitárias, alterações climáticas e migração.